domingo, maio 22, 2005

Não viaja, amigo

O jornalista passa a vida inteira lidando com fatos extraordinários, porque é a natureza da profissão, chega um ponto em que você acha que o extraordinário é uma viagem. O problema é que tem gente de redação que viaja além da conta, aquela coisa mesmo tipo "além da imaginação". O jornalista pode até viajar, mas com os pés no chão. Mas tem gente que finca tanto os pés no chão que não sai da redação nem para apurar o que vai escrever. E aí, viaja. E aquele papo de "esquentar a matéria"? Se a matéria não é quente, nunca foi matéria... Não viaja, amigo. Não viaja.

1 Comments:

Anonymous Junior Neville said...

É Marcello, nem precisa dar nome aos bois. Mas o que aconteceu foi um mero acidente jornalístico, o que poderia ocorrer em qualquer profissão. E com certeza o culpado apredeu com o erro.
Valeu! Parabéns pelo blog.

maio 22, 2005 8:51 PM  

Postar um comentário

<< Home